Sonho de uma flauta…

Ontem teve show do Teatro Mágico aqui no Rio, foi um dos melhores shows da minha vida. Não sei se foi melhor do que o do Circo Voador no ano passado (porque tudo no circo é sempre tão especial), sei que foi ótimo, teve fogo, teve malabarismo, trapezistas, teve a Gabi no pano *-* sempre maravilhosa ao som de uma das minhas preferidas: Sonho de uma Flauta, mas a surpresa para mim foi o Monstro de O Mérito e o Monstro, o ponto alto da parte de encenação! Emocionante vê-lo vindo e cantando junto… e pos trás do Anitelli… e era tão bem feito e se você parar pra pensar era apenas uma pessoa uns panos e umas madeiras… e aí eu paro: quantas coisas fantásticas podemos fazer com o básico? O próprio Anitelli sempre diz que ele quer encantar como o simples sujeito que ele é. SIM the basic is the new black… hahaha.

Foi gostoso chegar lá e encontrar tanta gente inesperada, gente conhecida de todos os lugares, do meu bairro, da escola, do carnaval, da faculdade… teve de tudo e também estava com um grupo enorme e super heterogêneo, o que eu gosto muito, de interagir com vários tipos de pessoas, de ver suas reações, não me pergunte porquê, mas eu adoro ver a cara de feliz/surpresa/encantada quando assistem um show ou espetáculo, me alimenta.
Me alimenta mais ainda quando é alguém que nunca foi ao show daquele artista e mais ainda quando não conhece o trabalho deste e ao entrar em contato fica maravilhado… Ontem tive dois amigos como exemplo disso, pessoas que não conheciam nada de Teatro Mágico e sairam encantadas por um homem e sua trupe que brincam e recitam no palco.
A energia, a positividade, a felicidade, tudo isso junto me faz muito bem e quando acaba deixa aquela saudade, aquele gostinho de quero mais, a vontade de sentir isso sempre, mas talvez seja isso que torne esse sentimento tão único. E foi perfeita a maneira que terminou o show, todo o clima, a canção e o objetivo daquilo, estava tudo junto ali, flutuando na PAZ que só esse banho de cultura pode me dar.
A letra de uma poesia linda de Fernando Anitelli, que significa muito pra mim:
De ontem em diante serei o que sou no instante agora

Onde ontem, hoje e amanhã são a mesma coisa

Sem a idéia ilusória de que o dia, a noite e a madrugada são coisas distintas
Separadas pelo canto de um galo velho Eu apóstolo contigo que não sabes do evangelho
Do versículo e da profecia
Quem surgiu primeiro? o antes, o outrora, a noite ou o dia?
Minha vida inteira é meu dia inteiro
Meus dilúvios imaginários ainda faço no chuveiro!
Minha mochila de lanches?
É minha marmita requentada em banho Maria!
Minha mamadeira de leite em pó
É cerveja gelada na padaria
Meu banho no tanque?
É lavar carro com mangueira
E se antes um pedaço de maçã
Hoje quero a fruta inteira
E da fruta tiro a polpa… da puta tiro a roupa
Da luta não me retiro
Me atiro do alto e que me atirem no peito
Da luta não me retiro
Todo dia de manhã é nostalgia das besteiras que fizemos ontem”

Isso já é assunto pra um novo post né?



Músicas que falam por mim [Parte 1]

Há muito tempo quero escrever sobre isso, mas exatamente por ter tanto para falar acabo nunca começando a escrever, então me propus a começar uma parte e ir atualizando quando eu quiser…

Desde ontem estou ouvindo repetidamente uma música que há anos retrata o que eu sinto, é uma música do Leoni, os outros… Tem música que parece que foi escrita pra você, e incrivelmente aquelas que mais nos identificamos são aquelas que TODO MUNDO se identifica… “Já conheci muita gente, gostei de alguns garotos, mas depois de você.. os outros são os outros..” Quem nunca sentiu isso? A primeira estrofe da música praticamente diz o que todo ser humano já passou… E aí vem: “Depois de você, os outros são os outros e só…” Isso é tão nítido para quem tem alguém inesquecível, é claro que você sai com um monte de caras, se diverte, gosta deles até, mas perto dele, os outros…. você já sabe.

“Eu não consigo achar normal Meninas do seu lado Eu sei que não merecem mais que um cinema Com meu melhor namorado”

E não é assim mesmo que sentimos? Como se as outras deles não fossem merecedoras do amor deles, como se elas não pudessem apreciar tudo aquilo que você sabe que aquele homem é capaz de propiciar….

E dói… e dóói…..
Procuro evitar comparações
Entre flores e declarações Eu tento te esquecer A minha vida continua Mas é certo que eu seria sempre sua Quem pode me entender”

Há músicas que falam por mim….

Não esqueça de votaar no meu conto de amor! 🙂

Como ser relevante no twitter?

Esse pode ser mais um daqueles posts que te ensinam como ter mais followers, como ser interessante, como não postar coisas idiotas, no fundo isso tudo não importa, o twitter e seu e pronto acabou, poste o que quiser. Mas se você não quiser ser mais um na multidão e ter alguma relevância, aí vão algumas dicas que não são nada mais do que bom senso, como já disse anteriormente eqüilibrio:

1 – O assunto do momento: a não ser que você tenha alguma novidade ou algo realmente interessante para comentar sobre o assunto, contenha-se a ler, muita gente já está falando sobre a mesma coisa.

2 – Tá frio, tá chovendo, tá calor? assunto de elevador? Por favor, pule.

3 – Vida íntima: Não, não queremos saber sobre fezes, sexo pode contar, mas fezes, vômito ou aquela calcinha menstruada que você fotografou (é, já teve até disso por aqui) não queremos ver, nem saber.

4 – Cuidado ao falar onde vai e com quem, lembre-se que está na internet e que todos estão lendo o que você posta, independentemente se tem um cadeadinho ou não. (Se os hackers burlam grandes sistemas de segurança imagina o que fazem com seu cadeadinho do twitter?) Nada de endereço de onde mora, hora de saída de colégio e dizer que vai viajar e deixar a casa vazia. Se expor demais sempre é furada.

5 – Você quer falar algo sobre os Trending Topics em inglês? ou quer manter contato com gringos, se você não fala inglês a primeira coisa a fazer é se matricular num curso, mas por favor, não tenta postar usando o Google Translator, fica HORRIVEL e sem sentido.

6 – Quer realmente ter novidades pra postar? Esteja sempre atualizado nas notícias, para isso não basta ler o G1.. aliás, postar matéria do G1 é super #Fail, a não ser que seja algo muiiiito OMG, tipo quando ele tinha um link com atualizações em tempo real sobre o acidente do AFR 447.

7 – Por falar em acidente, procure não focar nisso, acidentes, mortes, tragédias não são coisas legais e apesar do ser humano dar ibope pra esse tipo de coisa, não é o tipo de notícia que se deve ficar explorando e especulando.

8 – O twitpic não é o seu álbum de fotos do orkut! Claro que você pode colocar umas fotinhas suas lá, mas ele é uma ferramente para upload de fotos junto ao twitter, isto é, num post, e não aleatoriamente. Quer mostrar suas fotos: Fotolog.com ou Flickr

9 – Não seja um velho reclamão. O twitter não foi feito para ficar reclamando de tudo, apesar de ser todo seu, e poder escrever o que quiser, te garanto que se for um chato ninguém vai ler o que você escreve.

10 – Não twitte demais, senão você flooda e a pessoa acaba enjoando de você, não RETwitte demais, senão parece que você não tem o que dizer, não fiquei muito tempo sem twittar, senão as pessoas esquecem de você 🙂

E como se manter informado? É imprescindível saber ao menos ler em inglês, a maioria dos babados, notícias quentinhas, artigos, pesquisas, enfim, tudo que é informação vão estar na língua inglesa, e nada mais feio do que gente que posta uma coisa achando que é outra. Se acostume a ler sempre alguns jornais americanos e britânicos, além de blogs famosos tanto brasileiros quanto os gringos e saiba que isso provavelmente já sera twittado por um monte de gente, você está a procura de um furo, não é? Então mãos a obra, como eu, esteja ávido por informação, isso faz um bem danado :*

a @twittess na capa da Playboy???

tessaliaQuem é essa menina que tem mais seguidores do que muita celebridade? Quem é essa mulher, que agita o twitter todos os dias com uma novidade, um #BAFAO, um link que com certeza será comentado e retuitado? Adorada, incompreendida, comentada, imitada, a Tessália saiu do anonimato para se tornar uma das grandes celebridades do twitter. E muita gente pergunta: #comofas ? Ela ela responde: “Na verdade, eu sou só eu mesma. Sem fachada, sem patrocínio, acreditando nas minhas coisas, que não por coincidência, são também os mesmos desejos, objetivos e interesses de muita gente ;)”

hNa minha visão é apenas uma mais uma menina que curte tecnologia, notícias mundiais, coisas fofas e internet, então, o que torna a @twittess um destaque? Além de um background super fashion criado pelo lindão do @homeromeyer, com belas fotos e cores alegres, a gata faz o dever de casa direitinho: não twitta nem demais nem de menos; não dá RT em excesso; não faz do twitter uma sala de chat, mas sempre responde todos; sempre tem links com novidades quentinhas em primeira mão; é educada, mas sabe manter o ‘profissionalismo’ e não se envolver muito com seus seguidores. Parece que a fórmula secreta foi desvendada: equilíbrio. E a cada dia ela vem se tornando mais influente e conhecida nesse meio e super requisitada, tanto que já deu entrevistas a jornais, blogs, participou de vídeo-conferências e agora está na PLAYBOY de junho, numa entrevista exclusiva onde conta um pouco mais sobre como e quem é a mulher mais seguida do twitter no Brasil: Ela mesma. A revista sai hoje (10 de Junho de 2009). E se você quer conhecer mais da @twittess, ver mais fotos, quem sabe fotos mais ousadas ou saber mais da sua vida e sobre o que ela pensa, entre na campanha, porque quem faz a revista somos nós leitores: “queremos a @twittess na capa da @playboy_brasil”, simplesmente mande uma mensagem para o twitter da @playboy_brasil: campanha “@twittess na capa da @playboy_brasil

Aluga-se para o dia dos namorados :)

O Dia dos namorados está chegando, dia que muitos celebram alegremente com seus companheiros, outros curtem a fossa de estarem sozinhos, outros vão àquelas festas maneiríssimas de solteiros, outros saem com qualquer um, apenas para não se sentirem sozinhos….

Este ano eu resolvi fazer uma brincadeira, e coloquei no meu msn e no twitter: “Aluga-se para o dia dos namorados: Visito sua família, almoço com você, te dou cartãozinho e tiro foto pro orkut.” Nada mais atual. Num mundo onde somos usados, onde “amizades” e “namorados” são mais pra ficar de poser no orkut do que realmente sentir, pq não me alugar? Sou uma menina inteligente, boa companhia, normalmente os pais me adoram, curto cinema, praia, montanha, de tudo um pouco…
Depois do anúncio recebi várias mensagens sobre, algumas brincando com o fato, outras perguntando pq isso, outras perguntando se eu tava falando sério e enfim as que perguntavam o preço… e era exatamente onde eu queria chegar, quando me perguntavam o preço eu falava, não sei ao certo, cinema, pipoca e uma coca mais ou menos, ou mate de galão, biscoito globo e um sanduíche natural da praia de ipanema…. Depois de uns dias vieram me perguntar se eu estava tendo sucesso na minha tentativa de ganhar um dinheirinho extra no Dia dos Namorados (isso os desavisados q não sabiam de nada…) e eu respondi, olha tenho recebido sim muitas propostas., e enfim me perguntaram, e quem vc vai escolher? quem vai pagar mais?
E eu respondi, vou escolher quem eu achar que vai me fazer mais feliz nesse dia, a melhor companhia, as melhores risadas, quem merecer, e o preço de me alugar é simplesmente esse, me fazer sorrir.

Edição de imagens online

Sabe quando você viaja e já quer logo postar as fotos, mas se não levou o Laptop não tem aquela ferramenta de edição de imagens pra dar aquela melhoradinha nas fotos? A photoshop tem um site onde você pode editar ONLINE suas fotos! De qualquer computador e de graça, basta se cadastrar. 🙂

Photoshop Online

Cicatrizes

Como sempre eu demoro pra voltar aqui, sempre me pergunto porque, mas não acho a resposta, de certa forma, tudo isso que escrevo são coisas que penso naturalmente durante o dia, mas sempre acontece de eu pensar as coisas mais legais em lugares onde não tenho onde escrever, aí venho aqui tentar postar algoe não sai nada….

Esses dias andei pensando sobre cicatrizes, e não somente daquela visíveis, que podem ser reparadas, ou não, com uma cirurgia plástica… e sim das cicatrizes dentro de nós. Eu pelo menos estou descobrindo que eu me afasto do que não gosto, não converso muito sobre, guardo aquele sentimento, o que me faz MUITO mal, e quando tenho que falar sobre o assunto, muitas vezes não me contenho e caio em lágrimas, pareço fraca, pareço estúpida, mas acho que era só aquele sentimento preso dentro de mim, lutando pra sair…

Estamos num mundo de muitas cobranças e expectativas, você tem que ser o mais bonito, mais antenado, mais fashion, mais educado, mais estudioso, mas e você? Quem quer ser?

Quando me perguntam isso normalmente eu respondo qualquer coisa, mas me dá um silêncio profundo por dentro, e eu penso, sim o que eu quero ser? Quem sou eu e o que eu quero ser? Será que eu estou sendo quem eu quero ser? Será que estou sendo quem QUEREM que eu seja?

E como equilibrar esse eu com as expectativas dos pais, dos amigos, da sociedade com as suas próprias de quem é você? Não esperem resposta, se eu soubesse não me sentiria assim, só sei como é difícil esse equilíbrio e como você se anula quando tenta corresponder todas as expectativas dos outros.

Na análise venho aprendendo a deixar os outros de lado e ser um pouquinho egoísta, cuidar de mim, pensar em mim primeiro, não tentar agradar todo mundo a toda hora, e sim agradar a mim. Mas é tão difícil, sei que não deveria ser….